Prouni distribui bolsas remanescentes

As orientações para a distribuição das bolsas remanescentes do Prouni 2014 – primeiro semestre foram divulgadas pelo Ministério da Educação no Diário Oficial da União.

A distribuição das bolsas remanescentes ficará sob responsabilidade das instituições de ensino participantes.

O MEC irá divulgar na internet uma lista com as instituições que estarão oferecendo as bolsas e os interessados deverão se inscrever pelo site.

Para se inscrever é preciso atender a pelo menos um dos requisitos abaixo:

  • Ter efetuado inscrição, em todas as suas opções, em cursos com registro de não formação de turma no processo seletivo regular do ProUni;
  • Ser professor da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica e integrando o quadro de pessoal permanente da instituição pública. O professor que se inscrever para bolsas em cursos de grau de licenciatura não precisa comprovar renda, escola pública ou ter participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem);
  • Ter participado do Enem a partir da edição de 2010 e obtido, em uma mesma edição, no mínimo 450 pontos na média das notas das provas e nota acima de zero na redação.

Os interessados deverão se inscrever pelo site, as datas são:

  • De 10 à 26 de março de 2014 para candidatos não matriculados na instituição de ensino de interesse.
  • De 10 à 27 de março de 2014 para candidatos já matriculados na instituição.
  • De 12 à 27 de março para candidatos que tenham prestado o Enem a partir de 2010.

Após a inscrição, os candidatos terão dois dias úteis para apresentarem seus documentos à instituição de ensino. Esta, deverá informar ao Sistema Prouni as informações de seus bolsistas até um dia depois do encerramento das inscrições.

Categorias: Prouni | Tags: | 6 comentários

Lista de espera do Prouni 2014

Após acontecerem as duas chamadas regulares do Prouni 2014 para o primeiro semestre e seus prazos para comprovação de dados serem encerrados, é chegada a hora dos estudantes não selecionados terem sua chance de ficar na lista de espera.

Nos dias 13 e 14 de fevereiro, os candidatos do Prouni que não foram selecionados na primeira ou segunda chamada poderão se inscrever para a lista de espera.

Para participar da lista de espera é necessário demonstrar interesse, acessando o site oficial do Prouni e se cadastrando para a lista.

Cada curso e turno de cada local de oferta terá uma lista exclusiva, independente da opção original do candidato em concorrer por ampla concorrência ou cotas.

Pode concorrer exclusivamente à vaga de 1ª opção, o candidato que não tiver sido pré-selecionado nas chamadas regulares ou que tiver sido pré-selecionado na 2ª opção e reprovado por não formação de turma.

Para concorrer apenas à vaga de sua 2ª opção, o candidato não pode ter sido pré-selecionado nas chamadas regulares em que tenha ocorrido não formação de turma no curso de sua 1ª opção, ou não existam bolsas disponíveis na sua primeira opção de curso. Pode concorrer exclusivamente à segunda opção, o candidato que tiver sido selecionado em sua primeira opção e reprovado por não formação de turma.

Os candidatos que se inscreverem na lista de espera deverão oficializar sua participação comparecendo à instituição de ensino para a qual tiver se inscrito e apresentar todos os documentos necessários para a comprovação de dados nos dias 19 e 20 de fevereiro.

Após esse período as instituições de ensino farão a convocação de seus selecionados, eles deverão realizar a matrícula e, eventualmente, fazer o vestibular.

Depois da lista será encerrada essa edição do Prouni. O programa volta a ser realizado na metade do ano, com a distribuição de bolsas de estudos para o segundo semestre de 2014.

Categorias: Prouni | Tags: | 3 comentários

Programas estudantis serão expandidos

O novo Ministro da Educação, José Henrique Paim, que entrou no lugar de Aloízio Mercadante, prevê para sua atuação no Ministério da Educação, entre outras coisas, a expansão do Programa Universidade para Todos e do Fundo de Financiamento Estudantil.

Paim disse também que investirá na formação de professores, segundo ele todos os professores devem ter direito garantido à sua formação.

A possibilidade de o Exame Nacional do Ensino Médio ser realizado duas vezes por ano foi descartada pelo Ministro. A proposta foi feita por Fernando Haddad, que era Ministro da Educação em 2011, e passaria a valer em 2012, quando o Enem deveria ser aplicado no mês de abril e novamente no segundo semestre.

Em janeiro de 2012 a medida foi cancelada pelo Ministério da Educação, que alegou que a realização do exame duas vezes por ano sobrecarregaria a logística.

Em entrevista fechada, no dia de sua posse, José Henrique Paim reafirmou a decisão de que o Enem não será realizado mais de uma vez por ano.

Categorias: Notícias | Tags: | Comente

Segunda chamada do Prouni 2014 é divulgada

Os candidatos do Prouni 2014 que não foram selecionados na primeira chamada já podem consultar a lista de selecionados da segunda chamada. Para ver a lista basta acessar o site oficial do Prouni, utilizando login e senha.

Os candidatos selecionados deverão comparecer à instituição de ensino portando os documentos necessários para a comprovação de dados até o dia 6 de fevereiro. A relação de documentos pode ser encontrada no site do Prouni e nas instituições de ensino participantes.

A matrícula dos selecionados também deve ser feita até o dia 6 de fevereiro, algumas instituições podem pedir que o candidato faça o processo seletivo.

Quem deixar de fazer a comprovação de dados e a matrícula até o dia 6 perderá o direito de ocupar a bolsa de estudos.

A próxima etapa do Prouni é a lista de espera, onde os candidatos que não foram selecionados em nenhuma chamada terão a chance de esperar pelas bolsas restantes.

Os interessados deverão acessar o site do Prouni nos dias 13 e 14 de fevereiro e manifestar interesse em participar da lista de espera. A convocação dos selecionados será feita pelas próprias instituições e os selecionados deverão fazer a comprovação de dados e a matrícula nos dias 19 e 20 de fevereiro.

Nesse semestre foram distribuídas 191.625 bolsas de estudos, sendo 131.636 integrais e 59.989 parciais.

No segundo semestre o Prouni realizará um novo processo distribuindo mais bolsas, para se inscrever também será necessário ter participado do Enem 2013 e obtido média de 450 pontos em todas as matérias e nota diferente de zero na redação.

Categorias: Prouni | Tags: | 2 comentários

Último dia para a matrícula dos selecionados da primeira chamada do Prouni

Dia 24 de janeiro, é o último dia para os selecionados da primeira chamada do Prouni comparecerem às instituições de ensino e realizarem a comprovação de dados e matrícula.

Na comprovação de dados são pedidos documentos do candidato e familiares para a averiguação das informações apresentadas no momento da inscrição, quando é comprovada a falsidade de informações e o estudante não se encaixa nas exigências do Prouni para receber a bolsa de estudos, ele é eliminado do processo.

A lista dos documentos necessários para a comprovação de dados pode ser encontrada no site do Prouni e nas instituições de ensino participantes. Algumas instituições podem pedir que o candidato faça o vestibular, o que é permitido.

Os selecionados que não comparecerem às instituições de ensino até o prazo estipulado perderão o direito de receber a bolsa.

A segunda chamada será feita no dia 3 de fevereiro e os selecionados terão até o dia 6 do mesmo mês para entrarem em contato com a instituição de ensino e fazerem a comprovação de dados e matrícula.

Estão sendo ofertadas pelo Prouni 131.636 bolsas de estudos integrais e 59.989 bolsas parciais em 1.116 instituições de ensino, essas bolsas são para o primeiro semestre de 2014, no segundo semestre todo o processo se repete.

Mais de um milhão de candidatos se inscreveu nessa edição do Prouni, cada um podia escolher duas opções de curso e instituição de ensino.

Categorias: Prouni | Tags: | 1 comentário

Primeira chamada do Prouni 2014

O período de inscrições da primeira edição do Prouni 2014 se encerrou na última sexta-feira, 17 de janeiro, e, segundo o Ministério da Educação bateu o recorde de inscrições na história do programa.

Nos cinco dias de inscrições, o sistema Prouni registrou 1.259.285 candidatos, cada um deles podia escolher duas opções de instituição de ensino e curso, o que levou o número de inscrições a 2.424.354.

Nessa edição, que distribuiu bolsas de estudos para o primeiro semestre de 2014, foram ofertadas 191.625 bolsas em 1.116 instituições de ensino de 991 municípios brasileiros.

Das 191.625 bolsas, 131.636 são integrais (100%) e 59.989 são parciais (50%). As integrais destinadas para candidatos com renda familiar de até um salário mínimo e meio por pessoa e as parciais para candidatos com renda familiar entre um e meio e três salários mínimos por pessoa.

A primeira chamada sai no dia 20 de janeiro e os candidatos selecionados têm até o dia 24 para fazer a comprovação de dados e matrícula.

A segunda chamada será feita no dia 3 de fevereiro e os selecionados terão até o dia 6 do mesmo mês para a comprovação de dados e matrícula.

Nos dias 13 e 14 de fevereiro os candidatos que não tiverem sido selecionados nas chamadas poderão manifestar interesse em participar da lista de espera através do site do Prouni e os selecionados poderão fazer a comprovação de dados e matrícula nos dias 19 e 20 de fevereiro.

No segundo semestre o Prouni abre inscrições para a distribuição de bolsas novamente, para se inscrever é necessário ter atingido média de 450 pontos em todas as matérias do Enem 2013 e nota maior que zero na redação.

Categorias: Prouni | Tags: | Comente

Prouni 2014 encerra suas inscrições hoje

O Programa Universidade para Todos, o Prouni, abriu seu período de inscrições na última segunda-feira, 13 de janeiro e encerrará hoje, dia 17, às 23h59.

Até as 18h de ontem mais de 1 milhão de pessoas tinham feito inscrição. O fluxo de inscrições começou grande nos primeiros dias e foi diminuindo gradativamente.

Estão sendo oferecidas bolsas de estudos integrais (100%) e parciais (50%) para o primeiro semestre de 2014, em diversas instituições de ensino de todo o país. As vagas disponíveis podem ser consultadas no site do Prouni.

São 131.636 bolsas integrais e 59.989 bolsas parciais, as integrais destinadas para candidatos com renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio e as parciais para candidatos com renda familiar per capita entre um e meio e três salários mínimos.

O valor das bolsas oferecidas chega a até R$8 mil, como é o caso das bolsas para o curso de medicina na Universidade de Marília.

Os cursos com maior número de bolsas oferecidas são administração, pedagogia e direito e o estado é São Paulo. Ao todo são 1.116 instituições de ensino participantes, 991 municípios.

Para se inscrever no Prouni é necessário ter feito o Enem 2013 e obtido 450 pontos em todas as matérias e nota diferente de zero na redação. A renda familiar per capita deve ser de até três salários mínimos e o candidato deve ter cursado o ensino médio em escola pública ou particular na condição de bolsista.

As inscrições podem ser feitas até as 23h59 de hoje, 17 de janeiro de 2014.

A primeira chamada será divulgada na próxima segunda-feira, dia 20 e a segunda no dia 3 de fevereiro.

Depois das duas chamadas será aberto o período de manifestação de interesse para a lista de espera.

Todo o processo volta a acontecer no meio do ano, com distribuição de bolsas para o segundo semestre de 2014.

Categorias: Prouni | Tags: | Comente

ProUni abre inscrições na próxima segunda-feira dia 13

Começam nesta segunda-feira as inscrições para a primeira edição de 2014 do ProUni (Programa Universidade para Todos). O prazo se estende até as 23h59 do próximo dia 17.

O candidato deve ter participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2013 para fazer sua inscrição e obtido no mínimo 450 pontos na média das notas. Também não pode ter tirado zero na redação. Será necessário informar o número de inscrição e a senha usados no Enem e o CPF (Cadastro de Pessoa Física).

Para concorrer a bolsas integrais, o candidato deve comprovar renda familiar de até um salário mínimo e meio (R$ 1.086) por pessoa. Para bolsas parciais, deve comprovar renda familiar de até três salários mínimos (R$ 2.172) per capita.

Caso dois estudantes obtenham notas iguais, o primeiro critério para desempate será a melhor  redação e, depois, notas de outras provas.

Podem fazer a inscrição os egressos do Ensino Médio da rede pública ou da rede particular. Para concorrer à bolsa integral, o candidato deve comprovar renda familiar por pessoa de até um salário mínimo e meio. Já para as bolsas parciais, de até três salários mínimos por pessoa.

Fies - O Prouni também é procurado por alunos de universidades particulares que utilizam o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), outro programa do MEC. É o caso de Guilherme Granja, 19 anos, que faz biomedicina em universidade particular. Ele vê no Prouni a chance de terminar o curso sem se preocupar com a dívida após conseguir o diploma. “Estou quase na metade do curso, mas temo ir para uma universidade pública e perder as matérias que já cursei até agora”, explicou.

Categorias: Prouni | Tags: , | Comente

Inscrições para o Prouni 2014

O Programa Universidade para Todos, que distribui bolsas de estudos em instituições de ensino superior particulares para estudantes de baixa renda, já anunciou seu cronograma para o primeiro semestre de 2014.

O período de inscrições do Prouni será aberto na próxima segunda-feira, dia 13 de janeiro e irá até as 23h59 da sexta-feira, dia 17.

As inscrições deverão ser feitas exclusivamente pelo site oficial do Prouni. Podem participar pessoas que tenham feito o Enem 2013 e atingido, no mínimo, 450 pontos na média de todas as matérias, a nota da redação deve ser maior que zero.

Além da nota do Enem, para participar do Prouni é preciso atender a mais alguns requisitos, como ter cursado todo o ensino médio em escola pública, ou em escola particular na condição de bolsista.

A renda também faz parte das exigências do programa, para participar a renda familiar per capita do candidato deve ser de até três salários mínimos.

As bolsas disponíveis podem ser consultadas no site do Prouni. Serão distribuídas bolsas integrais (100%) e parciais (50%) em instituições de ensino de todo o país.

As bolsas parciais são destinadas aos candidatos com renda familiar entre um salário mínimo e meio e três por pessoa, já as bolsas integrais são destinadas para os candidatos que possuem renda familiar de no máximo um salário mínimo e meio por pessoa.

A primeira lista de selecionados do Prouni 2014 será divulgada no dia 20 de janeiro, os candidatos chamados deverão comparecer à instituição onde foram selecionados para fazer a comprovação de dados e a matrícula.

A segunda chamada acontecerá no dia 3 de fevereiro e os alunos deverão seguir o mesmo procedimento.

Após as duas chamadas será aberto o período de manifestação de interesse em participar da lista de espera, quando os candidatos que não foram selecionados nas chamadas convencionais podem optar por ficar na lista de espera e concorrer às bolsas remanescentes.

Os estudantes que receberem a bolsa parcial tem a opção de recorrer ao Fies para custear a outra metade das mensalidades, o Financiamento Estudantil tem taxas de juros menores que os financiamentos comuns e o estudante pode quitar a dívida só depois de se formar e se estabilizar financeiramente.

Categorias: Prouni | Tags: | 3 comentários

Faculdades com mau desempenho perderão Prouni e Fies

O Ministério da Educação divulgou no último dia 2 os resultados do Conceito Preliminar de Curso (CPC) e do Índice Geral de Cursos Avaliados da Instituição (IGC). Aloízio Mercadante, Ministro da Educação disse que os cursos com conceito 1 ou 2 nas avaliações de 2009 e 2012 receberão punição (os conceitos vão de 1 a 5).

Os cursos que não obtiveram desempenho satisfatório nas avaliações do Ministério da Educação pela segunda vez consecutiva terão os vestibulares de 2014 suspensos e poderão ter o número de vagas reduzido.

As instituições de ensino superior particulares perderão o benefício do Programa Universidade para Todos e do Financiamento Estudantil.

Na avaliação de 2009, 27% dos cursos recebeu conceito 1 ou 2, já em 2012 essa taxa diminuiu para 12%. A melhora se deu ao rigor do Ministério da Educação aplicando a suspensão de vestibulares. O MEC também estimulou bons resultados através de concessão de bolsas de estudos e financiamentos para as instituições com bons resultados, o que fez com o que as instituições buscassem mais por conceitos maiores.

A concorrência entre as próprias instituições de ensino foi mais um fator que levou à diminuição dos conceitos baixos, já que faculdades com notas altas nas avaliações do MEC atraem mais alunos.

A porcentagem de cursos com conceito 1, de 2009 para 2012, passou de 0,6% para 0,2%, mas para a nota 2 a proporção caiu de uma avaliação para a outra, passando de 26,4% em 2009 para 11,8% em 2012.

Os cursos com conceitos 3, 4 e 5 subiram, com nota 3 na avaliação, de 39,8% para 48,4%, com 4, de 10,5% para 21,7% e com 5, a maior nota, de 1,2% para 1,5%.

No Índice Geral de Cursos Avaliados da Instituição (IGC) os resultados também foram melhores em 2012, das 2.171 instituições avaliadas, a porcentagem que recebeu nota 1 diminui de 0,6% para 0,5% e com nota 2, de 32,1% para 16,7%.

A porcentagem de instituições avaliadas com as notas mais altas subiu, passando as com nota 3 de 44,3% para 57,8%, as com nota 4, de 5,8% para 14,5%. Já a nota máxima, 5, teve uma pequena queda, de 1,2% para 1,1%.

O Ministro da Educação demonstrou satisfação com os resultados, dizendo que o aumento de notas 3 e 4 representa melhora na qualidade dos cursos.

Categorias: Notícias | Tags: | Comente

Bolsista do Prouni gastará R$70 mil pra terminar a faculdade

Para conseguir uma bolsa de estudos em uma instituição de ensino superior particular através do Prouni é necessário, entre outras coisas, ter renda familiar per capita de até três salários mínimos.

Pra quem pretende receber uma bolsa integral, o valor é ainda menor, podendo ser de no máximo um salário mínimo e meio por pessoa.

Mas receber a bolsa de estudos não é a solução de todos os problemas para estudantes de baixa renda, fazer faculdade trás gastos muito além das mensalidades. É preciso gastar com transporte, moradia, alimentação e materiais, que em muitos casos não custam pouco.

Volney Ferraz está vivendo esse drama, o estudante, que tem dezenove anos e cursa Ciências Aeronáuticas na PUC-RS, poderá gastar até R$70 mil pra concluir o curso.

Para se formar ele precisa ter licença de Piloto Comercial Multi/IFR e pra conseguir precisa da licença de Piloto Privado.

Volney tem que ter, em cada etapa do curso, determinadas horas de vôo e tem que pagar para utilizar os aviões, que variam de preço de acordo com o modelo.

Para as quinze primeiras horas de vôo o estudante utilizou o avião mais barato que encontrou, os custos foram de R$280 por hora. Quem pagou esse valor foi o pai de Volney, que pediu o dinheiro emprestado a um amigo e ainda paga o empréstimo.

O problema vai ficando maior com o passar do tempo no curso, a cada etapa os aviões ficam mais caros e para fazer o exame são cobradas taxas.

Uma ação contra a universidade e a União foi aberta por Volney com a ajuda do pai, mas o coordenador do curso da PUC alega que as informações sobre o curso são bem claras nos sites da universidade e do Prouni.

O coordenador do curso disse ainda que a alternativa encontrada por muitos estudantes na mesma situação é pedir ajuda a pessoas da família ou conhecidos.

A Agência Nacional de Aviação Civil informou que já montou uma comissão para a criação de programas de fomento para horas de vôo e disse que parte das bolsas será destinada para bolsistas do Prouni.

Atualmente Volney está estudando na França através do programa de bolsas Ciência sem Fronteiras, mas espera poder continuar o curso de Ciências Aeronáuticas quando voltar ao Brasil no ano que vem e realizar o sonho de ser piloto.

Categorias: Prouni | Tags: | Comente

Instituições de ensino superior já podem aderir o Prouni 2014

As regras e procedimentos para aderir o Prouni 2014 já foram feitos e divulgados pelo Ministério da Educação e podem ser vistos no Diário Oficial da União.

Para participar do Prouni 2014, programa que distribui bolsas de estudos para estudantes de baixa renda do ensino superior, as instituições de ensino interessadas devem fazer um cadastro.

Depois de ter conhecimento das regras, elas terão de 18 de novembro a 6 de dezembro para emitir o Termo de Adesão por meio de suas mantenedoras. O procedimento deve ser realizado pelo Sistema Informatizado do Prouni.

No site também serão encontradas algumas exigências para participar do programa. É feita uma análise da instituição de ensino para ver se ela é apta para receber os estudantes bolsistas.

As instituições de ensino que aderem o Prouni oferecem bolsas de estudos para estudantes de baixa renda e em troca ficam isentas de alguns tributos e impostos.

Todos os anos as instituições têm um período para se cadastrar no programa antes de cada edição.

O Prouni acontece duas vezes por ano, uma no primeiro e outra no segundo semestre. Um dos requisitos para concorrer a uma bolsa de estudos é ter prestado o Enem no ano anterior.

São distribuídas bolsas integrais, que cobrem 100% das mensalidades e bolsas parciais, que cobrem 50% do valor. Cada tipo de bolsa é destinado a um perfil de candidato.

Só no segundo semestre de 2013 o Prouni ofereceu 90 mil bolsas em instituições de ensino de todo o país.

Categorias: Prouni | Tags: | 1 comentário

Prouni 2014

O Prouni 2014 vem aí! Muitos estudantes de todo o Brasil aguardam pelo Prouni 2014 para concorrerem a bolsas de estudos em faculdades particulares, agora, passado o Enem 2013, as notícias sobre o Prouni começarão a surgir.

O Prouni 2014 abrirá inscrições depois da divulgação dos resultados finais do Enem 2013, em janeiro. É devido à demora da divulgação das notas do Enem que o período de inscrições é sempre tão curto e sem prorrogações.

A nota do Enem é um dos principais requisitos para participar do Prouni, portanto é indispensável que as pessoas que queiram concorrer em 2014 tenham prestado o último Enem, de outubro de 2013.

E não basta ter prestado, tem também que ter nota boa. Para se inscrever no Prouni é necessário ter obtido pelo menos 450 pontos na média de todas as matérias e tirado mais que zero na redação.

O programa ainda exige outros requisitos para a participação, o candidato deve ter feito todo o ensino médio em escola pública ou na condição de bolsista em escola particular ou ainda parte em uma e parte na outra.

A renda familiar é outro ponto importante para quem deseja conseguir uma bolsa de estudos pelo Prouni, para concorrer, a renda familiar deve ser de no máximo três salários mínimos por pessoa.

Cada tipo de bolsa é destinado a um perfil de concorrente, as bolsas de 100% são para os candidatos com renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio e as de 50% para candidatos com renda familiar per capita entre um e meio e três salários mínimos.

As inscrições deverão ser feitas pela internet, no site do Prouni e, como já dito, devem acontecer após a divulgação dos resultados do Enem 2013, em janeiro de 2014.

A pré-seleção dos candidatos é feita e divulgada algumas semanas depois do fechamento das inscrições. São feitas duas chamadas e os pré-selecionados têm um prazo para fazerem a comprovação de dados junto à instituição de ensino.

Quem não é selecionado tem a chance de ficar na lista de espera, que acontece logo após as duas chamadas.

Na metade do ano todo o processo se repete, o Prouni abre as inscrições, seleciona os candidatos e eles recebem a bolsa de estudos para o segundo semestre.

Em breve divulgaremos a data do Prouni 2014.

Categorias: Prouni | Tags: | 4 comentários

Regras para isenção fiscal a instituições do Prouni são divulgadas

A Receita Federal publicou no Diário Oficial da União as regras para que as instituições de ensino participantes do Prouni tenham isenção de tributos.

Para conseguir a isenção, as instituições deverão apresentar em sua contabilidade os elementos que compõem as receitas, custos, despesas, resultados do período de apuração no qual a isenção foi utilizada e em quais atividades.

As instituições de ensino que atenderem à medida ficarão isentas da Cofins, da CSLL, do PIS/Pasep e do imposto sobre IRPJ durante o período de vigência do termo de adesão.

 

Categorias: Notícias | Tags: | Comente

Ministério da educação estuda ampliar Bolsa-Permanência

Paulo Speller, secretário da educação superior, afirmou em reunião da Comissão Nacional de Acompanhamento e Controle Social do Prouni, que o Ministério da Educação está estudando formas de ampliar o programa de bolsa-permanência.

O Bolsa-Permanência é um programa de auxílio financeiro para estudantes de baixa renda de instituições de ensino federais.

As bolsas são distribuídas a alunos que se enquadrem na política de cotas e estejam matriculados em cursos com carga horária superior a cinco horas diárias. O estudante também deve ter renda familiar per capta de um salário mínimo e meio.

A Bolsa-Permanência é no valor de R$400,00 mensais.

Speller disse que a pretensão é começar a ampliar as bolsas pelas universidades federais, pois o impacto é menor, mas que a prioridade é beneficiar bolsista integrais do Prouni.

O Prouni, que já distribuiu mais de 1 milhão de bolsas, busca cada vez mais aperfeiçoamento. A parceria com o Conap, faz com que isso aconteça e que os estudantes brasileiros tenham cada vez mais um ensino superior de qualidade.

Categorias: Notícias | 1 comentário

Bolsas de iniciação à docência para alunos Prouni

Estudantes de Licenciatura que sejam bolsistas Prouni poderão receber pela primeira vez bolsas do Programa de Bolsas de Iniciação à Docência, o Pibid.

O programa é voltado ao aperfeiçoamento da formação de professores da educação básica, concedendo bolsas à estudantes que façam parte de projetos de iniciação à docência em instituições de ensino superior em parceria com escolas da rede pública de ensino.

Nos projetos de iniciação à docência, estudantes de licenciatura são inseridos nos contextos de escolas públicas desde o começo do curso e fazem atividades acompanhados por um professor da faculdade e um professor da escola para se familiarizarem com o trabalho futuro.

Para participar do Pibid as instituições de ensino superior interessadas devem pedir uma senha de cadastramento ao Sistema Integrado Capes até o dia 25 de setembro. Após realizar o cadastro, as instituições terão o prazo de 19 de setembro a 4 de outubro para enviarem as propostas de projeto de iniciação à docência.

O resultado com os projetos selecionados será divulgado no Diário Oficial da União no dia 6 de dezembro e as atividades começarão até 14 de março de 2.014.

O Pibid ofertará nesse ano 10 mil bolsas no valor de R$400 mensais cada. O coordenador do programa em cada instituição de ensino particular também recebe um benefício de R$1.400 mensais e os professor-supervisor da escola onde o estudante fará o projeto de R$765.

Categorias: Notícias | 1 comentário

Primeira convocação da lista de espera do Prouni

A primeira convocação dos selecionados da lista de espera do Prouni para o segundo semestre de 2.013 foi feita hoje, 2 de agosto.

Para ver o resultado, o candidato deve acessar o site oficial do Prouni e colocar login e senha do Enem. É possível verificar as opções escolhidas, o resultado e a lista completa com a colocação.

Os convocados têm de hoje até o dia 7 de agosto para comparecer à instituição de ensino e fazer a comprovação de dados de matrícula. Quem não comparecer até o dia determinado perde o direito de ocupar a bolsa.

A segunda convocação será feita no dia 12 de agosto e os selecionados deverão realizar a comprovação de dados e a matrícula até o dia 15 de agosto.

As bolsas que não forem ocupadas poderão ser distribuídas pelas instituições para alunos que prestem o vestibular para o segundo semestre ou que já estejam matriculados. Os estudantes com as melhores notas ficam com as bolsas.

O Prouni volta a ofertar bolsas no primeiro semestre de 2.014. As datas para inscrições ainda não foram divulgadas.

Categorias: Notícias, Prouni | Comente

MEC divulga regras para bolsas remanescentes do Prouni 2.013

O Ministério da Educação divulgou no Diário Oficial da União uma portaria com a regulamentação da distribuição das bolsas remanescentes do Prouni pelas instituições de ensino.

A distribuição das bolsas que restaram após o processo regular do Prouni 2.013 agora será direcionada para alunos das instituições que façam o vestibular para ingressarem no segundo semestre desse ano ou para os que já estiverem matriculados desde antes.

O critério para os estudantes que prestarão o vestibular será a colocação nos resultados e para os já matriculados, será o desempenho acadêmico, ou seja, em ambos os casos, a nota é quem determinará o ganhador da bolsa.

Estudantes que estejam matriculados em cursos de pedagogia, normal superior ou licenciatura e forem professores da rede pública de ensino têm preferência na ocupação das bolsas.

O efeito da bolsa só será retroativo para os estudantes matriculados em semestres anteriores caso eles não tenham recebido o benefício antes por impedimentos de natureza operacional, caso contrário o desconto na mensalidade (50% ou 100%) só valerá a partir da concessão da bolsa.

Fazer ou não a distribuição de bolsas remanescentes do Prouni fica a critério de cada instituição de ensino, mas as que decidirem participar devem emitir pelo sistema do Prouni, na internet, o termo de concessão de bolsas restantes para todas as vagas em todos os campi.

O Programa Universidade para Todos ofereceu no segundo semestre de 2.013 mais de 90 mil bolsas de estudos integrais e parciais para estudantes de baixa renda.

Categorias: Notícias, Prouni | Tags: | 2 comentários

Prouni poderá incluir cooperativas de ensino e instituições filantrópicas

Um novo projeto, que assegura que estudantes que tenham cursado o ensino médio em cooperativas de ensino tenham direito a concorrerem a bolsas de estudos do Prouni, está no Plenário do Senado para ser votado.

O projeto é da ex-senadora Marisa Serrano e foi relatado pelo senador Pedro Simon, ele apoia a lei, pois diz que as escolas mantidas pelas cooperativas não têm apoio estatal e não possuem fins lucrativos.

A comissão de Educação, Cultura e Esporte aprovou a matéria com uma emenda do ex-senador Demóstenes Torres, incluindo instituições filantrópicas e escolas conveniadas com o poder público para que os alunos também concorram no Prouni.

 

 

Categorias: Notícias | Tags: | Comente

Lista de espera do Prouni 2.013

O período para os selecionados da segunda chamada do Prouni apresentarem seus documentos nas instituições de ensino terminou. Agora é a vez daqueles que não foram selecionados entrarem para a lista de espera.

O Prouni deixa as bolsas que não foram preenchidas para os estudantes que não foram selecionados em nenhuma das chamadas e ainda tenham interesse. Esse processo de distribuição das últimas bolsas não é para todos os candidatos, como as etapas anteriores, para concorrer é preciso manifestar interesse.

O candidato deve acessar o site oficial do Prouni e clicar no link para participar da lista de espera entre os dias 26 e 29 de julho.

No dia 2 de agosto será feita a primeira convocação dos selecionados e eles terão até o dia 7 para fazer a comprovação de dados e matrícula. Algumas instituições poderão pedir que o estudante faça o processo seletivo costumeiro da instituição.

A segunda chamada será feita no dia 12 de agosto e os selecionados terão até 15 de agosto para a comprovação de dados, matrícula e possível vestibular.

Eventualmente são ofertadas as bolsas remanescentes, ou seja, aquela que restam mesmo depois da lista de espera. Quando isso acontece, o processo é feito diretamente pelas instituições de ensino.

O próximo Prouni acontecerá no primeiro semestre de 2.014, para se candidatar é necessário prestar o Enem 2.013 e atender aos demais requisitos do Prouni.

Categorias: Prouni | Tags: | 2 comentários

Segunda chamada do Prouni 2.013.2

A segunda chamada do Prouni já está disponível no site do programa, o Ministério da Educação publicou na manhã de hoje a lista dos selecionados à bolsas de estudos para o segundo semestre de 2.013.

Os selecionados da segunda chamada terão até o dia 22 de julho para fazer a comprovação de dados através de documentos, junto à instituição de ensino.

A lista dos documentos necessários pode ser encontrada no site do Prouni e nas instituições de ensino participantes. Quem não apresentar os documentos até o dia 22 terá a bolsa cancelada.

A data também vale para a realização da matrícula do aluno e eventualmente um processo seletivo, que fica a critério de cada instituição.

Os estudantes que não forem selecionados terão de 26 a 29 de julho para acessar o site do Prouni e manifestar interesse em participar da lista de espera. As convocações dos selecionados começarão dia 2 de agosto.

A próxima edição do Prouni será no primeiro semestre de 2.014 e para participar será preciso prestar o Enem 2.013 e corresponder aos demais requisitos do programa.

No Prouni 2.013.2 foram ofertadas 90.045 bolsas de estudos parciais e integrais.

Categorias: Notícias, Prouni | Tags: | 4 comentários

MEC divulga a 1ª chamada do Prouni 2013

O Ministério da Educação divulgou no último domingo, 30 de junho, a primeira chamada dos selecionados do Prouni para o segundo semestre de 2013.

Os candidatos podem ver se foram selecionados através do site oficial do Prouni, onde é possível acompanhar a colocação e as notas de corte.

Os estudantes que tiverem sido selecionados têm de hoje até o dia 8 de julho para comparecerem à instituição onde foram selecionados e apresentar a documentação para a comprovação de dados. Eventualmente deverão fazer o vestibular da instituição e efetuar a matrícula.

A lista de documentos necessários para a comprovação de dados pode ser encontrada no site do Prouni e também pode ser fornecida pelas instituições de ensino participantes do programa.

A data prevista para a segunda chamada do Prouni é 16 de julho. Os selecionados terão de 16 a 22 de julho para fazer a comprovação de dados e a matrícula.

O Prouni 2013.2, que encerrou seu período de inscrições no dia 27 de junho, tendo prorrogado 2 dias, teve 439,6 mil inscritos. Serão distribuídas no total 90.045 bolsas de estudos. As bolsas integrais serão destinadas às pessoas que possuam renda familiar de até 1 salário mínimo e meio por pessoa e as parciais, que cobrem 50% da mensalidade, para pessoas com renda familiar entre 1 e meio e 3 salários mínimos por pessoa.

Para participar do Prouni, além de possuir renda familiar de até 3 salários mínimos por pessoa é necessário prestar o Enem e obter nota igual ou maior que 450 pontos, ter feito o ensino médio em escola pública ou em escola particular na condição de bolsista e não ter diploma de formação superior.

A próxima edição do Prouni acontecerá no começo de 2014.

Categorias: Notícias, Prouni | Tags: | 5 comentários

Inscrições para o Prouni são prorrogadas até dia 27

O período de inscrições para o Prouni correspondente ao segundo semestre de 2013, que ia de 21 a 25 de junho, foi prorrogado para o dia 27 de junho.

Segundo balanço divulgado pelo MEC, até as 18h do dia 25, que seria o último dia de inscrições, 336.748 inscritos foram registrados, totalizando 648.807 inscrições, afinal cada participante podia escolher duas opções de vaga.

O número de inscritos foi menor que em 2012, que teve 456.973, por esse motivo o Ministério da Educação resolveu prolongar o prazo, possibilitando a mais estudantes participarem do programa.

A forma de fazer inscrição e os requisitos continuam os mesmos, o que mudou devido à prorrogação foi o calendário, com a mudança da data de encerramento do prazo de inscrições, as datas das chamadas também foram adiadas.

O resultado da primeira chamada, que antes sairia no dia 28 de junho, será divulgado no dia 30 de junho, os selecionados terão do dia 1º ao dia 8 de julho para fazerem a comprovação de dados junto às instituições.

A segunda chamada passou para o dia 16 de julho e os selecionados terão o prazo de 16 a 22 de julho para a comprovação dos dados.

As datas para os candidatos que não forem selecionados em nenhuma das chamadas participarem da lista de espera serão de 26 a 29 de julho e a convocação começará a ser feita a partir do dia 2 de agosto.

No Prouni 2013.2 serão distribuídas 90.010 bolsas de estudos, sendo 55.658 integrais e 34.352 parciais.

Categorias: Prouni | Tags: | 2 comentários

Prouni recebe 163,6 mil inscrições no primeiro dia

O Programa Universidade para Todos (Prouni) abriu suas inscrições na última sexta-feira, 21 de junho, e só no primeiro dia já recebeu 163,6 mil inscrições, sendo 55,9 mil candidatos, já que cada um pode escolher duas opções de vaga. Os números foram divulgados pelo Ministério da Educação, o balanço foi feito contando até as 18h30 do dia 21.

O período para se cadastrar no programa e concorrer a uma bolsa de estudos integral (100%) ou parcial (50%) em instituições de ensino superior particulares do país vai até o dia 25 de junho, às 23h59.

As inscrições devem ser feitas pelo site do Prouni. Cada candidato pode escolher até duas opções de curso e local.

Nessa edição, que se refere ao segundo semestre de 2013, serão distribuídas 90.010 bolsas de estudos em universidades, faculdades e centros universitários de todo o Brasil.

Para participar do Prouni os requisitos são: ter prestado o Enem e obtido média mínima de 450 pontos e nota diferente de zero na redação, ter renda familiar de até 3 salários mínimos por pessoa e não possuir diploma de formação superior.

A primeira chamada dos selecionados acontecerá no dia 28 de junho e a segunda no dia 13 de julho.

Categorias: Artigos sobre o Prouni | Tags: | 1 comentário

Inscrições para o Prouni 2013.2 começam dia 21

As inscrições para o Prouni que ofertará bolsas de estudos para o segundo semestre de 2013 começarão no dia 21 de junho, próxima sexta-feira.

Muitos estudantes aguardavam ansiosos pelo início do processo de inscrição, agora finalmente o MEC anunciou as datas. O edital ainda não foi divulgado, mas deve sair nos próximos dias.

As inscrições devem ser feitas pelo site oficial do Prouni, no período de 21 a 25 de junho (até as 23h59). Para participar do processo seletivo do Prouni é necessário ter prestado o Enem 2012 e obtido no mínimo 450 pontos e mais que zero na redação. No ato da inscrição serão pedidos número de inscrição e senha do Enem.

Serão ofertadas 90.010 bolsas, até agora foram confirmadas 55.658 bolsas integrais (100%) e 34.352 bolsas parciais (50%) distribuídas por instituições de ensino superior de todo o Brasil.

A primeira chamada dos selecionados acontecerá no dia 28 de junho e os estudantes terão até 5 de julho para fazerem a comprovação das informações.

A segunda chamada será no dia 13 de julho e os alunos terão que comprovar os dados de 15 a 19 de julho.

Prouni é o programa que oferece bolsas de estudos integrais ou parciais em instituições de ensino de todo o Brasil para estudantes de baixa renda. As bolsas integrais, que equivalem a 100% das mensalidades, são destinadas a estudantes com renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio. Já as bolsas parciais, que cobrem 50% das mensalidades, são destinadas a candidatos com renda familiar mensal de até três salários mínimos por pessoa.

Categorias: Notícias, Prouni | Tags: | 3 comentários

← Older posts